Outras Edições

Em destaque Japão

Acusado que recebeu por engano ¥46,3 milhões em Yamaguchi sai sob fiança

O acusado pagou 2,5 mihões de ienes, saudou a imprensa e foi embora em um carro que já o esperava

Crédito: Redação - 01/08/2022 - Segunda, 15:06h
Yamaguchi – Sho Taguchi, 24, que é acusado em um caso de fraude que causou choque no Japão, foi liberado nesta segunda-feira (1) após pagamento de fiança. 

Ele deixou a delegacia da cidade de Abu vestindo um terno, com os cabelos longos e soltos, que cobriram seu rosto totalmente com o vento. 

Após saudar membros da imprensa, se dirigiu para um carro e foi embora. 

No dia 8 de abril Taguchi recebeu por engano da prefeitura de Abu, em Yamaguchi, a quantia de 46,3 milhões de ienes. 

Esse valor deveria ter sido dividido para 463 famílias que iriam receber 100 mil ienes cada como auxílio para enfrentar as consequências da pandemia. O nome de Taguchi era o primeiro da lista. 

A concessão da fiança foi dada no dia 27 de junho pelo Tribunal Distrital de Yamaguchi. Nesta segunda-feira então foram pagos 2,5 milhões de fiança para Taguchi poder sair da delegacia. 

Taguchi foi preso em maio sob a acusação de gastar o dinheiro, apesar de saber que havia sido transferido por engano para ele. Ele até chegou a se recusar a devolver o montante. 

Uma pessoa ligada ao caso disse que Taguchi gastou o dinheiro em cassinos da internet no exterior. 

De acordo com seu advogado, Taguchi retirou o dinheiro de sua conta bancária por meio de uma série de transferências de 8 a 18 de abril, repassando para agências domésticas de serviços de pagamento online que estariam ligadas aos sites de cassinos. 

Até o final de maio a cidade de Abu havia recuperado quase 43 milhões de ienes, segundo o prefeito Norihiko Hanada.

A prefeitura informou que recuperou legalmente o dinheiro através da apreensão das contas bancárias das três agências de serviços de pagamento online sob a Lei Nacional de Arrecadação de Impostos, e não por meio de acordos ou negociações.

Ao deixar a delegacia, Taguchi disse por meio de seu advogado: "Lamento muito ter causado problemas a muitas pessoas com minhas ações. Depois de ser libertado sob fiança, vou trabalhar e devolver o dinheiro emprestado aos poucos.”


Foto: Reprodução 
Sho Taguchi 



Compartilhe
Comentários

1688 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.980 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0071
Tokyo-to Shibuya-ku Honmachi 1-20-2-203