Outras Edições

Em destaque Comunidade

Esposa de brasileiro morto em Shizuoka diz que porte físico do réu é igual ao do assassino

Ela prestou depoimento na segunda audiência do julgamento do japonês Masafumi Yamaguchi

Crédito: Redação - 03/06/2021 - Quinta, 11:50h

Hamamatsu - A esposa de um brasileiro que foi assassinado em Kikugawa (Shizuoka) disse na quarta-feira (2) que o porte físico do réu japonês Masafumi Yamaguchi é igual ao do homem que cometeu o crime, informou a TV Shizuoka.

Cristiane Mari Takahashi de Souza, 44 anos, prestou depoimento na segunda audiência do julgamento do réu, no Tribunal Regional de Hamamatsu (Shizuoka).

O marido dela, Marcos de Souza, 44 anos na época, foi assassinado a facadas em frente a sua casa, ao voltar do trabalho, no dia 17 de fevereiro do ano passado, por um homem mascarado.

A esposa saiu de casa após ouvir barulho vindo de fora e sofreu ferimentos nos braços ao tentar ajudar o marido, mas não viu o rosto do assassino porque ele estava de máscara.

Na primeira audiência do julgamento, na terça-feira, Yamaguchi negou as acusações e disse que não esteve no local do crime.

Ele e o brasileiro trabalhavam no mesmo setor de uma fábrica de autopeças em Makinohara (Shizuoka).

Foto: Reprodução/SBS
Policial perto do local do crime, em Kikugawa

Compartilhe
Comentários

1462 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.980 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0071
Tokyo-to Shibuya-ku Honmachi 1-20-2-203