Outras Edições

Em destaque Coronavírus

Tóquio, Kanagawa, Saitama e Chiba devem pedir extensão do estado de emergência por 2 semanas

A governadora de Tóquio disse que o ritmo de queda das infecções por coronavírus havia diminuído

Crédito: Reuters - 03/03/2021 - Quarta, 11:13h

Tóquio - A capital Tóquio e as províncias de Kanagawa, Saitama e Chiba devem pedir ao governo japonês que prorrogue o estado de emergência em cerca de duas semanas devido à desaceleração no declínio dos casos de Covid-19, informou o jornal de negócios Nikkei na terça-feira (2).

Em janeiro, o governo colocou 11 de suas 47 províncias sob restrições de emergência para vigorar até 7 de março, suspendendo-as antecipadamente para sete províncias, exceto Tóquio, Kanagawa, Saitama e Chiba.

Embora os novos casos de coronavírus tenham caído significativamente de um pico no início de janeiro, a governadora de Tóquio, Yuriko Koike, disse que o ritmo da queda havia diminuído, expressando preocupação de que pode não ser o suficiente para suspender as restrições.

“Não teremos tempo (para atingir a meta de redução)”, disse ela a repórteres, referindo-se ao fim programado do estado de emergência em 7 de março.

Tóquio está coordenando com as três outras províncias para solicitar uma extensão, disse o Nikkei na noite de terça-feira, citando várias fontes não identificadas. As quatro províncias representam cerca de 30% da população do Japão.

Embora o número de infecções no Japão seja menor em comparação com os de países duramente atingidos, a situação em Tóquio é observada de perto, pois será a sede dos Jogos Olímpicos a partir de 23 de julho.

Questionado sobre a posição de Tóquio, o primeiro-ministro Yoshihide Suga disse a repórteres que ele iria "olhar cuidadosamente para os números primeiro e consultar especialistas e outros envolvidos", de acordo com a emissora NHK. “Após uma análise, eu mesmo quero tomar a decisão final”, disse ele.

Na terça-feira, Tóquio relatou 232 novos casos de coronavírus, em comparação com um pico de 2.520 em 7 de janeiro. Em todo o país, o Japão já confirmou 434.304 infecções e 8.013 mortes.

Sob medidas de emergência, o Japão pediu aos bares, restaurantes e outros estabelecimentos que fechassem às 20h. Também suspendeu uma popular campanha de incentivo a viagens chamada “Go To Travel”.

Foto: Reuters
Governadora de Tóquio, Yuriko Koike
Compartilhe
Comentários

1116 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.980 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0071
Tokyo-to Shibuya-ku Honmachi 1-20-2-203