Outras Edições

Em destaque Brasil

Dono de restaurante é detido por oferecer “1 ano de churrasco grátis a quem matar Doria”

O caso também foi divulgado no Japão pela agência de notícias Jiji Press

Crédito: Redação, com Reuters - 06/02/2021 - Sábado, 16:13h

São Paulo - O dono de uma churrascaria na Vila Mariana, zona sul de São Paulo, foi detido por ter colocado uma placa em frente ao seu estabelecimento oferecendo recompensa para quem matar o governador de São Paulo, informou o Estadão na sexta-feira (5).

“1 ano de churrasco grátis pra quem matar o João Doria Jr”, dizia a placa, que ganhou repercussão nas redes sociais.

O caso também foi divulgado no Japão neste sábado pela agência de notícias Jiji Press.

A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo disse que o dono da churrascaria responde por incitação ao crime e o caso foi encaminhado para o Juizado Especial Criminal (Jecrim). Ele vai responder o processo em liberdade.

Doria tem sido criticado pelos comerciantes por ter determinado o fechamento de estabelecimentos não essenciais para conter a Covid-19.

Na quinta-feira, o governo do Estado de São Paulo suspendeu o fechamento de restaurantes, shoppings e comércio não essencial durante os fins de semana.

As restrições para o consumo local em bares, entretanto, serão mantidas, informou o governo estadual.

Doria disse que a decisão de suspender a restrição foi tomada após a melhora de indicadores da pandemia no Estado.

"Tivemos felizmente queda no número de internações em todo o Estado de São Paulo, tanto em leitos primários quanto em leitos de unidade de terapia intensiva, de UTI, o que nos permite suspender a decisão de fechamento de atividades econômicas já neste final de semana em todo o Estado de São Paulo", disse Doria, acrescentando que a redução nas internações foi de 11%.

Ao mesmo tempo, o governador disse que medidas de prevenção da Covid-19 como uso de máscaras e distanciamento físico seguem sendo obrigatórias no funcionamento desses estabelecimentos.

A mudança não altera a classificação das regiões do Estado por cores de acordo com a situação local. Na capital, que está na Fase Laranja, por exemplo, restaurantes e shoppings têm de fechar às 20h todos os dias. Em cidades que estão na Fase Vermelha, todos as atividades que não são consideradas essenciais precisam permanecer fechadas.

Foto: Reprodução/Twitter
Placa colocada em frente a uma churrascaria em São Paulo
Compartilhe
Comentários

1116 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.980 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0071
Tokyo-to Shibuya-ku Honmachi 1-20-2-203