Outras Edições

Em destaque Coronavírus

Operadoras vão reduzir número de trens circulando em Tóquio e arredores para conter coronavírus

A medida envolve as províncias de Saitama, Chiba e Kanagawa

Crédito: Redação - 19/01/2021 - Terça, 17:02h
Tóquio – Devido ao estado de emergência, 25 operadoras ferroviárias em Tóquio e arredores vão reduzir a circulação de trens a partir da noite desta quarta-feira (20). 

A alteração segue o pedido feito pelo Ministério dos Transportes e também dos governadores das província de Tóquio, Saitama, Chiba e Kanagawa com o objetivo de reduzir a circulação de pessoas e conter as infecções por coronavírus. 

Funcionários da estação de Shinjuku exibiram cartazes nos quais constavam este aviso na manhã desta terça-feira (19), segundo publicou a NHK. 

A JR East deverá suspender um total de 42 trens durante a semana e 40 aos sábados e domingos em suas 11 linhas, incluindo a Yamanote, Chuo, Keihin Tohoku e Keiyo, conforme o Japan Today. 

As outras operadoras ferroviárias, como Tokyu, Keikyu, Seibu, Tobu, Keio, Keisei e Sagami farão o mesmo, incluindo trens do metrô. 

Os horários, agora revisados, deverão ser afixados nas plataformas com os cartazes alertando para a mudança. 

O chefe da estação de Shinjuku, Hidehiko Moriyama, acredita que haverá pessoas que não conseguirão fazer baldeação para outras linhas ferroviárias por causa das mudanças de horário. 

Por isso ele pede que as pessoas se programem, vendo antecipadamente os horários.

A redução de trens circulando valerá enquanto durar o estado de emergência em Tóquio, Kanagawa, Chiba e Saitama até 7 de fevereiro. 


Foto: iStockphoto 


Compartilhe
Comentários

1163 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.980 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0071
Tokyo-to Shibuya-ku Honmachi 1-20-2-203