Outras Edições

Em destaque Economia

Japão: restrições mais amplas por coronavírus elevam risco de recessão

Estado de emergência pode afetar economia por dois trimestres seguidos

Crédito: Reuters - 09/01/2021 - Sábado, 18:03h

Tóquio - O Japão está considerando ampliar o estado de emergência da área metropolitana de Tóquio para outras regiões à medida que os casos de coronavírus aumentam, uma medida que pode elevar o risco de uma recessão dupla para a terceira maior economia do mundo.

O primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, admitiu que as medidas que entraram em vigor na sexta-feira em Tóquio, Kanagawa, Saitama e Chiba também podem ser necessárias em outras partes do país, conforme as infecções se espalham.

O governo tem resistido aos apelos de alguns especialistas por restrições mais amplas, além das impostas em Tóquio, devido aos problemas econômicos que causariam.

Analistas e autoridades têm alertado que o estado de emergência limitado de um mês visando Tóquio e províncias vizinhas pode levar a uma contração no crescimento econômico no trimestre atual.

"Não há dúvida de que afetará o crescimento de janeiro a março", disse o ministro das Finanças, Taro Aso, a repórteres, quando questionado sobre o impacto econômico.

Outra contração em abril-junho, embora considerada improvável por enquanto, pode se tornar realidade se restrições mais amplas e mais longas forem necessárias para desacelerar a disseminação da Covid-19, dizem alguns analistas.

Isso empurraria o Japão para outra recessão, definida por dois trimestres consecutivos de contração econômica, após uma no primeiro semestre do ano passado.

Foto: Reuters
Ministro das Finanças do Japão, Taro Aso
Compartilhe
Comentários

1163 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.980 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0071
Tokyo-to Shibuya-ku Honmachi 1-20-2-203