Outras Edições

Em destaque Japão

Chinesa presa no Japão admite ter colocado bebê em freezer por causa de choro

A polícia encontrou o corpo do bebê congelado em um apartamento na cidade de Kawaguchi

Crédito: Redação - 28/11/2020 - Sábado, 11:46h

Kawaguchi - Um casal chinês foi preso na sexta-feira (27) sob acusação de esconder o corpo de um bebê no freezer de uma geladeira em um apartamento na cidade de Kawaguchi (Saitama), informaram a emissora Nippon Terebi e a agência de notícias Kyodo.

A chinesa Ayiguli Alimu, 27 anos, admitiu que era a mãe do bebê e que o colocou no freezer porque ele não parava de chorar, de acordo com fontes policiais. O marido dela, Yiliyaer Wahapu, 24 anos, também foi preso.

O Conselho Tutelar acionou a polícia depois de ter recebido informações de que uma criança nascida em julho deste ano havia desaparecido.

Policiais foram até o apartamento do casal na quinta-feira e encontraram o corpo do bebê congelado, após a mulher ter apontado com o dedo em direção à geladeira.

A delegacia de Kawaguchi está interrogando o casal ao mesmo tempo que investiga as circunstâncias da morte do bebê.

Foto: Reprodução/NNN
A chinesa Ayiguli Alimu foi presa em Saitama por esconder o corpo de um bebê dentro de um freezer
Compartilhe
Comentários

770 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.980 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0071
Tokyo-to Shibuya-ku Honmachi 1-20-2-203