Outras Edições

Em destaque Japão

Familiares e amigos realizam cerimônia em memória das vítimas da erupção do monte Ontake ocorrida há 6 anos

A erupção deixou 58 mortos e cinco desaparecidos, tornando este o desastre vulcânico mais mortal após a Segunda Guerra

Crédito: Redação - 28/09/2020 - Segunda, 10:01h
Nagano - Famílias enlutadas e outras pessoas se reuniram no domingo (27) em memória daqueles que morreram em uma erupção do Monte Ontake, no centro do Japão, há seis anos.

A erupção deixou 58 mortos e cinco desaparecidos no popular destino de escalada, segundo a NHK.

Foi o desastre vulcânico mais mortal do Japão desde a Segunda Guerra Mundial.

Um serviço memorial foi organizado pelo vilarejo de Otaki, na província de Nagano, no sopé da montanha. 

Os enlutados encararam a montanha e observaram um momento de silêncio às 11h52, o momento exato da erupção.

Os participantes foram limitados este ano a famílias enlutadas e funcionários da aldeia por causa do coronavírus. 

Não houve discurso de familiar, como nos últimos anos.

A vila suspendeu as restrições de entrada neste ano em um pico na província de Nagano que ainda estava fechado para alpinistas. 

Os escaladores agora têm acesso aos dois picos do Monte Ontake no lado de Nagano, incluindo aquele que foi reaberto há dois anos.

Abrigos foram montados perto de ambos os cumes. Mas as autoridades locais ainda enfrentam o desafio de conscientizar os escaladores e como evacuá-los rapidamente no caso de outra erupção.


Foto: Reprodução/TBS News






Compartilhe
Comentários

1027 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.980 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0071
Tokyo-to Shibuya-ku Honmachi 1-20-2-203