Outras Edições

Em destaque Japão

Professor é preso por furtar carro em Gunma: "Estava muito frio para andar"

O veículo estava com o motor ligado e a porta destravada no estacionamento de um supermercado

Crédito: Redação - 13/01/2020 - Segunda, 17:57h

Takasaki - Um professor do ensino público foi preso sob acusação de furtar um carro parado no estacionamento de um supermercado em Takasaki (Gunma), no último sábado (11), informou o jornal Mainichi.

"Eu usei o carro como meio de transporte porque estava muito frio para andar", disse Yuta Morishita, 27 anos, após ter se entregado à polícia.

O furto ocorreu de madrugada, por volta da 1h30. O professor saiu dirigindo um carro que estava com o motor ligado e a porta destravada. O dono do veículo, um homem de 44 anos residente em Saitama, estava fazendo compras no supermercado Fuji Mart, que funciona 24 horas.

O carro furtado, um modelo compacto de placa amarela, foi avaliado em cerca de ¥900 mil.

O veículo foi encontrado abandonado no sábado perto da estação de trem de Takasaki, a cerca de dois quilômetros do supermercado. No mesmo dia, o professor se entregou à polícia e foi preso por furto.

Foto: Reprodução/ANN
Supermercado Fuji Mart, em Takasaki, onde um carro foi furtado
Compartilhe
Comentários

1191 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.980 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0071
Tokyo-to Shibuya-ku Honmachi 1-20-2-203