Outras Edições

Em destaque Japão

Ex-investigador aponta 2 hipóteses para explicar desaparecimento de menina no Japão

A mãe disse que está muito arrependida por ter deixado a filha andar sozinha no acampamento

Crédito: Masamichi Maeda/Alternativa - 04/10/2019 - Sexta, 18:13h

Doshi - Um ex-investigador da polícia de Saitama apontou duas principais hipóteses para explicar o desaparecimento da menina Misaki Ogura, de 7 anos, que estava acampando com pais em Doshi (Yamanashi) há quase duas semanas.

Em entrevista à emissora Nippon Terebi, nesta sexta-feira (4), o ex-investigador Narumi Sasaki, que esteve no acampamento onde a menina desapareceu, disse que a possibilidade dela ter sido vítima de algum crime aumentou bastante, uma vez que as buscas já duram 13 dias e ainda não tiveram sucesso.

Segundo ele, pode ter ocorrido um sequestro planejado porque o acampamento tem muitas árvores e uma vegetação densa, além da falta de câmeras de segurança, criando vários pontos de pouca visibilidade e facilitando a ação de criminosos, que buscam locais com essas características onde pode haver crianças andando sozinhas.

Outra hipótese apontada pelo ex-investigador seria um atropelamento. A menina pode ter sido atropelada por um carro e o motorista, em um momento de desespero, teria ocultado a criança para não ser descoberto e, eventualmente, preso por negligência ao volante.

O acampamento tem várias ruas bem estreitas sem asfalto por onde os carros das pessoas que estão acampadas podem circular livremente. Nessas circunstâncias, segundo Sasaki, um acidente e a ocultação de indícios também são fatores que não devem ser descartados pela investigação policial.

A menina estava acampando com os pais e outras 30 pessoas de sete famílias, incluindo parentes e amigos, no Auto Camp Tsubakiso.

Na tarde de 21 de setembro, por volta das 15h40, Misaki disse aos pais que iria brincar com as crianças que estavam em outro ponto do acampamento. Desde então, ela não foi mais vista.

A mãe da menina, Tomoko Ogura, 36 anos, disse que está muito arrependida por ter deixado a filha andar sozinha no acampamento.

A menina, que mora em Narita (Chiba), estava usando uma camiseta preta de manga comprida, calça jeans e tênis verde. Ela é magra e tem cerca de 1,25 metro de altura.

O telefone da delegacia de Otsuki (Yamanashi), onde as investigações estão centralizadas, é 0554-22-0110.

Foto: Reprodução/NHK
Fotos da menina Misaki Ogura divulgadas pela polícia de Yamanashi
Compartilhe
Comentários

440 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.000 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0072
Tokyo-to Shibuya-ku Hatagaya 1-8-3
Vort Hatagaya 8F