Outras Edições

Em destaque Comunidade

Mãe de brasileiro preso em Gifu diz que filho tem esquizofrenia

“Meu filho não é bandido, não é ladrão”, garante a mãe de 44 anos

Crédito: Antônio Carlos Bordin/Alternativa - 09/09/2019 - Segunda, 12:05h

Kani – O brasileiro Erick Kimura Morilla não é criminoso. Quem garante isso é sua mãe, Estela Kimura, 44 anos. Ela explicou que o filho sofre de esquizofrenia e devido a um surto acabou se envolvendo em uma ocorrência policial no sábado (7). 

A imprensa local noticiou que Erick, de 24 anos, teria roubado o carro de uma mulher de 41 anos no estacionamento de uma loja de conveniência em Kani (Gifu). Ele abandonou o veículo a 2,6 quilômetros dali, em Minokamo.

Mais tarde, Erick entrou em contato com a polícia para se entregar, dizendo que não teve a intenção de ferir a mulher, que foi puxada pelo braço para fora do carro quando foi abordada pelo brasileiro.

Estela explica que naquele dia Erick e seu irmão mais novo, de 9 anos, estavam lavando o carro da família, quando o menino jogou água sobre Erick de brincadeira.

Segundo a mãe, o brasileiro teve um surto e teria empurrado o irmão menor. “Naquele momento eu pensei que ele voltaria logo e jamais pensei que pudesse acontecer tudo isso”, disse.

“Ele deve ter ficado assustado, achando que tinha machucado o irmão e que por isso seria internado em um hospital. Então saiu e foi para a loja de conveniência, que fica a uma quadra daqui”, conta Estela.

No sábado à noite, a polícia, com base em algumas informações, foi até a casa de Estela para saber de Erick. Porém, os policiais disseram que não havia certeza de que o autor do roubo fosse o filho dela.

“Quando eram umas 2h30 do domingo, a polícia me ligou dizendo que ele se entregou”, explica Estela, que correu para a delegacia em seguida.

Ela conta que a polícia de Kani sabe da condição de seu filho, o qual recebe regularmente a visita de um policial que vem saber se ele está se cuidando.

Estela, que reside há cinco anos em Kani, reafirma que seu filho “não é bandido, não é ladrão. No surto, ele só queria fugir, pois estava assustado. Mas não queria machucar ninguém”, garante.

“A polícia disse apenas para aguardar, já que Erick continua detido. Depois eles me chamarão para explicar sobre os próximos passos, pois estou preocupada também com a mulher do carro”, finalizou.

A esquizofrenia é um transtorno psiquiátrico em que uma alteração cerebral dificulta o correto julgamento sobre a realidade, a produção de pensamentos simbólicos e abstratos e a elaboração de respostas emocionais complexas, segundo o site Minha Vida.

Foto: iStockphoto
Compartilhe
Comentários

554 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.000 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0072
Tokyo-to Shibuya-ku Hatagaya 1-8-3
Vort Hatagaya 8F