Outras Edições

Em destaque Economia

Governo do Japão quer permitir que estudantes estrangeiros abram empresas

Pelas regras atuais, os estudantes teriam mais dificuldades de abrir um negócio

Crédito: Redação - 13/06/2019 - Quinta, 13:42h
Tóquio - O governo decidiu na terça-feira (11) lançar uma medida de reforma regulatória para permitir que estudantes estrangeiros abram empresas no Japão. A informação é da Jiji Press. 

Os estudantes estrangeiros poderão mudar seu status de residente enquanto estiverem na universidade para um que lhes permita iniciar um negócio.

A medida foi decidida em uma reunião do Conselho de Zonas Especiais Estratégicas Nacionais, presidida pelo primeiro-ministro Shinzo Abe. 

A novidade será incluída em uma nova estratégia de crescimento a ser aprovada em uma reunião do Gabinete no final de junho.

O governo espera que a medida ajude a aumentar os lançamentos de negócios por estrangeiros, principalmente em áreas fora de Tóquio.

Atualmente, os estrangeiros que ficam no Japão com visto de estudante não podem iniciar um novo negócio, a menos que se desliguem ou se graduem em suas escolas, voltem para casa e obtenham um visto que permita tal atividade.

O governo também decidiu uma medida para permitir que os empregadores paguem salários em dinheiro digital, principalmente para atender às necessidades dos trabalhadores estrangeiros.

Outra medida adotada na reunião é a expansão de áreas onde os farmacêuticos podem dar instruções sobre o uso de drogas aos pacientes remotamente, por vídeo ou outros meios, para incluir novas regiões urbanas. Atualmente, as áreas são limitadas a regiões despovoadas.

Foto: ©2015 iStockphoto


Compartilhe
Comentários

542 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.000 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0072
Tokyo-to Shibuya-ku Hatagaya 1-8-3
Vort Hatagaya 8F