Outras Edições

Em destaque Japão

Funcionário da polícia é demitido no Japão por furtar objetos entregues como perdidos

Homem vendia os objetos encontrados na rua por civis e que deveriam ser devolvidos aos donos

Crédito: Ana Laura Kawabe/Alternativa - 30/03/2019 - Sábado, 14:36h
Kawasaki - A Polícia da cidade de Kawasaki (Kanagawa) pediu desculpas publicamente pelo caso do funcionário do Departamento Financeiro que furtava e vendia objetos entregues por civis por terem sido encontrados na rua.

Segundo reportagem da emissora NHK, o homem, de 44 anos, foi indiciado e sofreu demissão disciplinar, em decisão divulgada na sexta-feira (29). 

A polícia acredita que durante o período de um ano (até abril de 2018), o funcionário teria furtado cerca de 70 pequenos objetos, como cigarros eletrônicos, e efetuado a venda pela internet, lucrando uma média de 90 mil ienes.

O homem confessou as acusações e disse que estava tentando conseguir um dinheiro extra. Ele ainda tentou justificar o ato, alegando que eram objetos em que os donos não apareceram para buscar em mais de 3 meses e que, por isto, seriam jogados fora.

Um representante da sede da Polícia de Kanagawa emitiu o pedido de desculpas para a sociedade, assim que a demissão foi anunciada. "Pedimos sinceras desculpas e vamos reforçar a gestão interna e as orientações aos funcionários para que não ocorra novamente", disse em comunicado.

Foto: Reprodução/NHK
Sede da polícia de Kawasaki (Kanagawa)
Compartilhe
Comentários

344 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.000 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0072
Tokyo-to Shibuya-ku Hatagaya 1-8-3
Vort Hatagaya 8F