Outras Edições

Serviços Cotidiano

Parapente: regras para a prática de voo livre no Japão

Praticantes devem obedecer algumas normas de segurança, que visam evitar acidentes

Crédito: Ana Paula Ramos/Alternativa - 10/09/2017 - Domingo, 11:51h

Semelhante ao paraquedismo, o parapente é a atividade ideal para aqueles que desejam a sensação de estarem voando livremente, como os pássaros. O equipamento coloca o praticante no comando da atividade, com possibilidades de controle de queda, tempo e direção.

No Japão, a atividade não se encaixa nas leis de aviação e não é regulamentada pela mesma. No entanto, isto não significa que o voo seja totalmente livre e, como qualquer outro esporte, possui limitações e regras que tentam garantir principalmente a segurança dos praticantes.

Uma das principais regras é a impossibilidade de alçar voo em locais próximo a aeroportos. Dependendo do lugar, há limites de altura máxima e mínima para a atividade. Segundo informações divulgadas pela Escola de Parapente Grand Volee (Grand Volee Paraglider School) em Gunma, as condições climáticas também entram nas regras.

Não é permitido voar em dias de chuva ou em dias em que há ventos fortes, pois o usuário poderá perder o controle do equipamento e correr mais riscos de sofrer um acidente. Para se divertir com segurança, o ideal é procurar uma escola especializada e praticar de acordo com as orientações de profissionais.

Foto: iStockphoto
Compartilhe
Comentários
1 ano
26 edições
= 4.500 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0072
Tokyo-to Shibuya-ku Hatagaya 1-8-3
Vort Hatagaya 8F