Outras Edições

Em destaque Japão

Cidade em Ibaraki gera revolta por negar que bullying causou suicídio de menina de 15 anos

Comitê de Educação de Toride se desculpou pela forma como o caso foi investigado

Crédito: Redação - 24/06/2019 - Segunda, 16:42h
Toride – O Comitê de Educação da cidade de Toride (Ibaraki) organizou uma reunião com a comunidade escolar no sábado (22), para pedir desculpas sobre a forma como a investigação do caso de suicídio de uma adolescente foi conduzida há quase quatro anos.

Segundo reportagem da emissora NHK, em novembro de 2015, uma menina de 15 anos, estudante do 3° ano de uma escola ginasial, cometeu suicídio dentro de casa. A estudante deixou um bilhete que dizia que não queria sofrer ijime (bullying).

Apesar das evidências, o Comitê de Educação na época iniciou uma investigação partindo da premissa de que a menina não tinha sofrido bullying. 

O caso gerou revolta e os pais da vítima solicitaram uma investigação pela província, que reconheceu em março deste ano, em relatório oficial, que houve relação direta entre o bullying e o suicídio e que o Comitê de Educação não cumpriu o seu papel.

A reunião de sábado contou com a presença de 60 pessoas, entre os pais da vítima, estudantes que foram colegas dela e seus responsáveis. Os representantes do Comitê reconheceram o erro, pediram desculpas e disseram que, na época, a consciência deles com relação a lei de prevenção ao bullying era “fraca”.

A desculpas, no entanto, não convenceram os pais da menina. Em reportagem para a Nippon TV, tanto o pai quanto a mãe mostraram revolta. 

“Eles não mudaram. Não mudaram nem um pouco. Estou decepcionado”, desabafou o pai. “Eu gostaria de saber quem é que está sendo punido. Não é estranho que ninguém seja responsabilizado?”, questionou a mãe.

O Comitê afirmou que irá considerar as opiniões e questionamentos feitos durante a reunião e que irá bolar um plano preventivo, para evitar futuros erros na condução de investigações, bem como para evitar novos casos de suicídio entre estudantes.

Foto: Reprodução/NHK
Reunião do Comitê de Educação de Toride (Ibaraki)
Compartilhe
Comentários

637 vagas disponíveis em todo o Japão

1 ano
26 edições
¥5.000 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0072
Tokyo-to Shibuya-ku Hatagaya 1-8-3
Vort Hatagaya 8F