Outras Edições

Em destaque Japão

Funcionário da NHK morre após ser acusado de embolsar dinheiro da taxa de transmissão

A emissora não informou a causa da morte e a forma como o caso estava sendo investigado

Crédito: Masamichi Maeda/Alternativa - 11/01/2017 - Quarta, 14:54h

 

Yokohama - Um funcionário da NHK de Yokohama (Kanagawa) morreu após ser acusado de embolsar mais de ¥200 mil da emissora através de falsificação de documentos, informou o jornal Yomiuri nesta quarta-feira (11).


O funcionário, na faixa dos 40 anos, teria falsificado rescisões de contrato de telespectadores para pegar a devolução das taxas de transmissão em dinheiro.


Uma pessoa que rescinde o contrato com a NHK tem direito de receber parte da taxa porque o pagamento é feito de forma antecipada.


O funcionário se aproveitou desse recurso para criar contratos falsos e embolsar o dinheiro da devolução por cerca de um ano, entre 2015 e 2016.


A NHK sabia do caso desde outubro do ano passado, mas somente agora foi descoberto e noticiado pela mídia japonesa.


No mesmo mês, o funcionário morreu após a NHK iniciar uma investigação interna. A emissora não informou a causa da morte e a forma como o caso estava sendo conduzido.


Um representante da NHK lamentou a conduta do funcionário e disse que vai cobrar o prejuízo através de um processo judicial contra a família dele.


Foto: iStockphoto

Compartilhe
Comentários
Shopping
1 ano
26 edições
= 4.500 ienes
ASSINE A
REVISTA
RECEBA SEM SAIR DE CASA
PARTICIPE DE TODAS AS NOSSAS PROMOÇÕES
qr code alternativa
Telefone
050-6860-3660
Fax
03-6383-4019
Nippaku Yuai Co., Ltd.
〒151-0072
Tokyo-to Shibuya-ku Hatagaya 1-8-3
Vort Hatagaya 8F